Gestão de tecnologia na sua empresa: contratar em forma de outsourcing de TI ou CLT?

16 jun Gestão de tecnologia na sua empresa: contratar em forma de outsourcing de TI ou CLT?

Você concorda que o outsourcing na área de TI pode proporcionar vantagens para a sua empresa ou até mesmo se tornar uma medida necessária para o seu crescimento?

A contratação de serviços de outsourcing é uma das formas que mais tem crescido na área de Tecnologia. Essa modalidade de contratação vem evoluindo ao longo dos anos, tornando-se um enorme fator para gerar competitividade.

É importantíssimo manter a atenção ao contratar uma empresa para uma sociedade em relação ao serviço de outsourcing de TI, pois é sempre bom saber as que são melhor vistas no mercado, que entregam o serviço com excelência e no prazo combinado, como a Agilizeware, por exemplo.

O que é exatamente o outsoucing TI?

Traduzindo de forma pura e simples para o português, outsourcing em TI nada mais é que terceirização em tecnologia (terceirização em TI). Embora, quando falamos em estratégia de negócios, a terceirização em áreas de tecnologia transforma-se numa instrumento imprescindível para aumentar, ao mesmo tempo, produtividade e rentabilidade e proporcionar maior vantagem competitiva. Seria o caso de sempre se pensar quando isso é possível e pontual para implementar em sua empresa.

É mais comum que o outsourcing de TI seja qualificado pela contratação de um ou mais profissionais que são acionados para resolver problemas pontuais com estações de trabalho (desktops, notebooks e outros), servidores, softwares e conexão com a internet, além de outros mais que possam surgir.

Apesar de que, apresentar soluções pontuais e assertivas, não seja a sua principal missão de TI, a sua real tarefa é ajudar as empresas a aumentar sua eficiência e, em última análise, sua lucratividade. Ou seja, terceirizar sua TI é muito mais que contratar uma pessoa para fazer manutenções quando ocorre um problema pontual.

A formação da equipe do departamento de TI

Desenvolver uma equipe distinta para o departamento de TI, sem deixar de considerar a diminuição de custos, não é uma tarefa simples — certamente a maioria dos gestores de TI concorda com isso.

Iniciando pelo fato de que as contratações envolvem diferentes níveis de conhecimento, que devem ser comprovados mediante a processos seletivos, além, é claro, dos salários mais altos que envolvem as contratações de profissionais experientes (incluindo os custos trabalhistas).

Quando uma empresa terceirizada é contratada, ela disponibiliza um quadro de profissionais com expertise em seus campos de atuação, o que dispensa todo o trabalho e gastos para contar com o que há de melhor no mercado.

Em uma recente pesquisa feita pela Society for Human Resource Management (SHRM), profissionais de RH de diversas empresas foram questionados sobre quais eram as principais razões para a terceirização:

A terceirização em TI é responsável por administrar e integrar hardwares e plataformas de software, a fim de ajudar as companhias no gerenciamento de informações e estratégias de negócios.

A terceirização de TI, ou outsourcing em TI, representa a utilização de provedores de serviços que implementam soluções para os processos da empresa, como infraestrutura e aplicações, sem estarem obrigatoriamente dentro do organograma da companhia.

Como é possível reparar na tabela acima, a maioria das empresas prefere pelo outsourcing em informática para reduzirem custos.

Veja abaixo um exemplo de redução de custos nos respectivos cargos:

É importante frisar que a tabela acima (no regime CLT), o empresário ainda terá os custos com 13 salário, férias (acrescido de 1/3 constitucional) além dos 30 dias de férias estipulados por lei.

Permanecem os encargos trabalhistas (FGTS), custos com vale transporte e alimentação, bem como risco de processos trabalhistas e encargos extras (50% do fgts) em caso de demissão do colaborador.

O suporte em informática para empresarial que acontece pela terceirização produz redução de custos em ti.

Como a redução acontece:

Durante o regime de terceirização (outsourcing) em tecnologia, tem-se um emprego muito maior das horas efetivamente contratadas. Por não ser um trabalho de linha de produção, o funcionário CLT por vezes recebe mais pela inatividade do que pelo trabalho efetivo (o que quase não ocorre na terceirização).

Como exemplificado acima, ao valor de 1 profissional CLT para cada área diferente, pode-se ter uma única empresa terceirizada abrangendo todas as áreas em um único acordo/contrato a um custo efetivo de 90% de um profissional CLT.

Como benefícios da terceirização em informática e tecnologia, citamos:

– 1 único contrato para diferentes áreas

– Diminuição da inatividade dos profissionais contratados

– Redução de problemas trabalhistas

– Não existe mais a obrigação de pagar o 13º salário, férias e 1/3 constitucional, além da não necessidade de reposição de profissional durante as férias (30 dias).

– Também existe a probabilidade de substituição de profissionais com menos dificuldade, diferente do regime CLT.

Por meio de todos os dados acima, é óbvio identificar uma grande vantagem em terceirizar o departamento de TI da empresa, não só pelos responsabilidades trabalhistas mas também pela redução da ociosidade de pessoal (que ocorre muito no regime CLT).

Fontes:

http://www.guiatrabalhista.com.br

www.sebrae.com.br

 

 

Posts relacionados

Pin It on Pinterest

Share This