Computação em nuvem é importante para a estratégia digital?

30 out Computação em nuvem é importante para a estratégia digital?

Essa pergunta é muito frequente na mente de quem deseja realizar uma transformação digital em sua empresa, isso por que a computação em nuvem faz parte do vocabulário de toda empresa de tecnologia que presta serviços digitais.

E a resposta para essa pergunta é SIM! A computação em nuvem ou cloud computing em inglês tem sido o melhor modo de acessar tudo em qualquer lugar e em qualquer dispositivo.

É importante dizer que a computação em nuvem possui diversos serviços para empresas, e também possui facilitadores para os gestores e diretores, pois ao invés deles se preocuparem com a infraestrutura, rede, compartilhamento de informações, etc. Eles podem se preocupar apenas com a estratégia da empresa no âmbito digital, pois as empresas que fornecem computação em nuvem fazem todo o trabalho “pesado” para garantir que sua empresa irá permanecer “de pé” e “rodando” perfeitamente, sem que você precise se preocupar com manutenções manuais.

Nesse artigo vamos explicar mais sobre o que a computação em nuvem, como ela funciona e quais as principais empresas que oferecem esse serviço no Brasil e no mundo.

O que é Computação em nuvem?

Segundo o site Wikipédia o conceito de computação em nuvem (em inglês, cloud computing) refere-se à utilização da memória e da capacidade de armazenamento e cálculo de computadores e servidores compartilhados e interligados por meio da Internet, seguindo o princípio da computação em grade.

Esse conceito tem sido aplicado em muitas empresas como uma solução principalmente para a perda de arquivos que podem acontecer caso aconteça algum erro nos servidores devido a uma invasão ou até mesmo erro humano.

Através da computação em nuvem é possível criar servidores online e compartilhar arquivos que podem ser acessados em qualquer lugar, diferente da rede comum, onde só é possível acessar esses dados se estiver conectado a mesma rede dos servidores que possuem o arquivo.

Tudo isso gera uma liberdade gigantesca para as empresas e principalmente para os funcionários, mas é claro que existem riscos ai aderir esse tipo de computação, porém esses riscos podem ser mitigados facilmente através de políticas de segurança bem definidas.

Como vocês puderam ver, implementar computação em nuvem é um processo que deve ser bem planejado em todos os aspectos, mas hoje é imprescindível se adequar a essa nova tendência, tendo em vista que o futuro está apontando para isso.

Principais empresas que fornecem computação em nuvem

Nesse tópico nós iremos citar algumas das principais empresas que fornecem a computação em nuvem e um breve resumo de como elas trabalham, normalmente os serviços não difere muito entra si, mas o que pode ser decisivo para sua escolha é o preço e o nome da empresa.

Amazon AWS: Segundo o site da Amazon a AWS (Amazon Web Services) é uma plataforma de serviços em nuvem segura, oferecendo poder computacional, armazenamento de banco de dados, distribuição de conteúdo e outras funcionalidades para ajudar as empresas em seu dimensionamento e crescimento.

Esse serviço da Amazon é muito completo, ele oferece todo tipo de apoio para que sua empresa migre completamente para as nuvens, com segurança e um nome reconhecido no mercado mundial.

Firebase: Segundo o site da Firebase, com visual limpo e de uso simples, o Firebase é uma plataforma dedicada e SDK para a construção de aplicativos. Atualmente, o serviço suporta desenvolvimento nas linguagens de programação C++, Java, Java script, Node.js, Objective-C e Swift.

Essa plataforma foi desenvolvida especificamente para desenvolvedores, ela possui toda infraestrutura necessária para que os desenvolvedores criem seus programas e aplicativos totalmente na nuvem, além de oferecer diversas facilidades no modo de programar e interagir com os sistemas.

Google Cloud: Segundo o site da Google a Google Cloud Platform é a plataforma de cloud computing do Google. Ela foi criada para que empreendimentos fossem capazes de executar uma série de serviços baseados na nuvem com alta performance, segurança e confiabilidade.

Essa plataforma desenvolvida pela Google é uma concorrente direta da Amazon AWS, por isso ela oferece tudo o que o concorrente oferece e ainda mostra um diferencial usando o nome Google como sinônimo de confiança e segurança.

Azure: Segundo o site da Microsoft, o Windows Azure é uma plataforma de computação na nuvem que roda nos datacenters da Microsoft. A plataforma é composta pelo sistema operacional Windows Azure, pelo banco de dados relacional SQL Azure e pelo middler de integração AppFabric.

É uma plataforma que trabalha com a venda de software como serviço (SaaS) que é um programa que não é instalado em nenhum computador e é usado como um serviço, pela internet. A vantagem disso é que o cliente não precisa baixar nada em seu computador para acessar a plataforma, ele pode ser acessado 100% online, além disso a Microsoft garante que os servidores do Windows Azure ficam 99,9% do tempo online, garantindo uma disponibilidade gigantesca para os clientes.

É claro que o conceito de computação em nuvem é muito mais amplo do que tudo o que foi dito até agora nesse post, porém conseguir uma visão ampla para uma tomada de decisão com apoio de nossos especialistas fale conosco. Também existem outras empresas que realizam esse serviço de cloud, mas a melhor opção para você que quer migrar para a computação em nuvem é contratar uma empresa que possui especialistas nas tecnologias das empresas que fornecem a cloud computing para que você possa ter mais tranquilidade em todo o processo e tudo ser feito da melhor forma possível e com um menor impacto aos seus processos internos.

A Agilizeware pode te ajudar nesse desafio de escolher a melhor estratégia para migrar ou utilizar cloud, uma empresa com experiência de mercado e profissionais competentes para tornar o seu processo de transformação digital mais simples e efetivo.

Posts relacionados

Pin It on Pinterest

Share This